IPVA 2021 SP – Consulta do Imposto, Quando Pagar, Valor

O IPVA 2021 SP já está sendo lembrado por muitos motoristas paulistas, afinal o IPVA 2021 SP é uma das mais importantes taxas do estado e que deve ser paga obrigatoriamente dentro do prazo estipulado.

Deixando seu carro em dia perante a legislação do país, o IPVA 2021 São Paulo engloba todos os tipos de veículos automotores de via terrestre, ok?

Veja como é possível fazer a consulta do IPVA 2021 SP, como fazer pagamento, entre outras informações.

IPVA 2021 SP: Para que serve?

O IPVA 2021 SP é o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, devendo ser pago pelos proprietários ou por quem possui um automóvel.

ipva

O dinheiro arrecadado pelo IPVA tem um destino: 50% dele vai para o Estado, enquanto a outra metade fica para o município em que o veículo está registrado. Assim, o valor IPVA 2021 é gasto em obras e melhorias que envolvem o trânsito e a segurança dos brasileiros, podendo se estender para outras áreas, caso for necessário. 

É importante mencionar que você precisa quitar o IPVA 2021 SP para realizar o licenciamento anual, ou seja, o imposto pago é um requisito para que você tenha a renovação do CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos).

Como fazer consulta IPVA 2021 SP?

É recomendável que você saiba realizar a consulta IPVA 2021 São Paulo para que você entenda quanto e quando é preciso fazer o pagamento deste tributo.

Para consultar o IPVA 2021 SP, você precisa acessar o site da Secretaria da Fazenda de São Paulo. Veja os simples passos abaixo:

1– Acesse a página da Sefaz paulista,

2– No site, clique em “Cidadão”, localizado no menu principal.

site sefaz sp

3– Na lista na nova tela, encontre “IPVA” e clique sobre essa opção.

ipva site sefaz sp

4– A seguir, vá em “Consulta de débitos vinculados ao veículo”.

consulta ipva sefaz sp

5– Na nova aba, digite o Renavam e a placa do seu automóvel, faça a seleção na caixa de segurança e clique em “Consultar”.

consulta de ipva site sefaz sp

Caso queira, você pode fazer a consulta do IPVA 2021 SP no site do Detran São Paulo.

Como pagar IPVA 2021 SP?

O pagamento IPVA 2021 SP pode ser feito em toda rede bancária autorizada ou nas casas lotéricas. Para isso, basta utilizar o código Renavam que está presente no documento de licenciamento.

Ainda, existe a possibilidade de quitação pela internet, caso o banco aceite a operação.

O pagamento é feito com base no final da placa do veículo do proprietário, ok?

Problemas no pagamento podem ser sanados entrando diretamente em contato com o Detran SP.

Tabela de pagamento IPVA 2021 SP

Como comentado, fazer o pagamento do IPVA 2021 SP varia conforme o final da placa do automóvel. Nesse caso, existe um processo de divulgação de um calendário com as datas determinadas para que os motoristas sigam de acordo com o número final.

A tabela de pagamento IPVA 2021 SP ainda não foi divulgada, mas a tendência é que os prazos permaneçam associados aos três primeiros meses do ano.

Geralmente, janeiro é específico para a quitação tanto em cota única (com 3% de desconto) quanto para a primeira parcela caso você queira dividir o valor em três parcelas equivalentes.

Valores IPVA 2021 SP

Na consulta IPVA 2021 SP, você tem a oportunidade de conferir qual é o valor total que você deve pagar do imposto.

valor ipva

A taxa do IPVA dependerá do valor e do ano do seu veículo, que leva em consideração a tabela FIPE. Ou seja, o valor IPVA 2021 São Paulo é o valor venal – determinado por esta tabela – multiplicado pela alíquota do automóvel.

No último ano, as alíquotas IPVA São Paulo foram as seguintes:

  • Veículos de carga, tipo caminhão: 1,5%,
  • Ônibus, micro-ônibus, caminhonetes simples, motocicleta, motonetas, triciclos, quadriciclos, ciclomotores, máquinas de terraplanagem, etc.: 2%,
  • Veículos movidos a álcool, gás natural veicular ou eletricidade: 3%,
  • Veículos não incluídos nos citados acima: 4%.

Carros com mais de 15 anos de fabricação possuem isenção do IPVA 2021 SP, além de outras condições específicas que podem fazer com que o motorista não precise pagar este tributo, como:

  • Templos religiosos (de qualquer culto);
  • União de estados, Distrito Federal e municípios;
  • Entidades sindicais dos trabalhadores;
  • Partidos políticos;
  • Instituições de educação e de assistência social, sem fins lucrativos;
  • Ambulância;
  • Associação de pais e amigos de excepcionais;
  • Os proprietários de máquinas agrícolas, terraplanagem e outras que trafegam para efeitos de deslocamento para o local de trabalho;
  • Veículos destinados a transporte público de passageiros como táxis, ônibus e microônibus;
  • Embarcações destinadas a pesca;
  • Veículos que tenham sido roubados ou furtados, enquanto não estiverem na posse do portador;
  • Carros adaptados para portadores de deficiência física;
  • Veículos sinistrado e que não estão em condições para uso, ou então, que tenha sido objeto de estelionato, apreensão pela polícia enquanto não estiverem em posse do proprietário;
  • Veículos com motor terrestre de cilindrada igual ou inferior a 2.000 cm3 (dois mil centímetros cúbicos) pertencente a pessoa com deficiência física, mental ou autista;
  • Caminhões, vans pertencentes ao corpo de bombeiros;
  • Veículos muito antigos à partir de uma determinada data da fabricação.

O que acontece se não pagar IPVA 2021 SP?

O proprietário que não fizer o pagamento das parcelas até a data de vencimento (deixando assim o IPVA atrasado), terá que arcar com juros e acréscimos moratórios. Os acréscimos serão de 0,33% por dia de atraso, podendo chegar ao máximo de 20% sobre o valor do IPVA 2021 SP.

Se forem inscritos em dívida ativa, os acréscimos moratórios corresponderão a 40%.

Além disso, ainda podem ser cobrados juros equivalentes, por mês, ao maior valor entre 1% e a taxa referencial do Sistema Especial de Liquidação e Custódia (SELIC) para títulos federais, acumulada mensalmente.

Fora os acréscimos, juros e a possibilidade de ir para dívida ativa, o não pagamento do IPVA pode impedir a regularização anual do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), documento obrigatório para transitar pelas cidades.

Se o motorista for flagrado sem o CRLV poderá receber multa de R$293,47, sete pontos na carteira e ainda ter o veículo retido, já que se trata de uma infração considerada gravíssima.

Deixe seu comentário