Diferença entre curso de Ciência da Computação à distância e presencial

- Posted in Uncategorized by

Você, que está decidido a fazer o curso de Ciência da Computação, certamente já se pegou em dúvida a respeito da diferença entre a modalidade a distância e a presencial. Mas não se preocupe, é absolutamente normal. Apesar de o EAD já estar plenamente difundido no país, e em vários casos até com maior número de matrículas, várias perguntas ainda seguem surgindo por quem pensa em aderir a ela. E uma das principais é a que diz respeito sobre o diploma. Será que ele é válido? A resposta é sim! Não há nenhum tipo de diferença entre o diploma presencial e o a distância, pois ambos são igualmente aceitados pelo Ministério da Educação.

Porém, antes dessa validação, o MEC adota alguns critérios para avaliar a instituição de ensino. Começando pelo Conceito Preliminar do Curso (CPC), que avalia o quadro de professores, a infraestrutura e os recursos didático-pedagógicos. O Conceito do Curso (CC), também é usado como parâmetro, pois nele, um representante do Ministério vai até a instituição, fazer uma avaliação da área pedagógica e docente, e também confere se os requisitos legais e normativos estão devidamente atendidos.

Para completar, há ainda o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes, o famoso ENADE, cujos resultados apresentam um indicativo no que diz respeito ao rendimento dos estudantes do ensino superior em relação a habilidades e competências que se fazem necessárias aprender para, futuramente, praticar a profissão. E você, futuro aluno de Ciência da Computação EAD, pode ser também convocado a participar desse exame.

Então, com base nessas informações, certifique-se que a sua faculdade de Ciência da Computação a distância é devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação, de preferência com uma boa nota. Só assim você poderá fazer o curso com total tranquilidade e terá a certeza de que, ao se formar, o seu diploma será aceito e bem visto no mercado de trabalho. Nele estará informado a instituição na qual você se formou e não a modalidade que fez, por isso a necessidade de ingressar na melhor faculdade EAD.

Agora, falando propriamente sobre diferenças, ao escolher fazer o seu curso de TI na modalidade EAD você terá a liberdade de estudar quando e onde quiser, pode ser no conforto da sua casa, na casa de um parente, numa biblioteca, enfim, onde você se sentir mais confortável. Não precisará se locomover diariamente até a faculdade, gastando tempo, dinheiro com combustível ou passagem, pois os encontros presenciais são muito poucos, apenas para realização de provas, e podendo optar pelo polo que fica mais próximo a você.

Outra diferença, e porque não dizer vantagem, é o fato de poder optar por qual material didático prefere utilizar ao estudar: livros impressos, videoaulas em DVD’s ou suas versões online. E sabendo que todos eles são elaborados sempre pelo menos autor, dentro de sua disciplina, gerando assim unidade dos conteúdos e um estudo livre de dúvidas. Só no EAD Pleno também é possível escolher o a duração e o valor das parcelas do seu curso, baseado é claro no que você considerar melhor para o seu momento.

Enfim, fazendo Ciência da Computação EAD você só tem a ganhar! Comprove!

Como fortalecer cabelos e unhas

- Posted in Uncategorized by

Cabelos e unhas fracas são pesadelos das mulheres, chegando a prejudicar sua autoestima. Curiosamente, existem dicas fáceis e simples de reverter esses problemas. A seguir, indicamos as mais potentes. Acompanhe e saiba como fortalecer cabelos e unhas.

O que causa problemas capilares e nas unhas?

Problemas de cabelo e unhas fracas são sinais / sintomas de que algo está errado em seu organismo. Normalmente, são provocados por deficiências de nutrientes, o que significa que você não está consumindo vitaminas e minerais suficientes para fortalecer seu organismo como um todo.

Em casos assim, surge a queda de cabelo, que diminui o volume dos fios, além de as unhas se tornaram quebradiças e descascarem com frequência, dificultando enormemente o crescimento saudável.

Dicas para fortalecer cabelos e unhas

Existem três formas altamente eficazes de fortalecer cabelos e unhas, abrangendo opções para todos os orçamentos. Veja, a seguir, quais são e procure adotá-las:

Alimente-se melhor

Suas refeições devem ser ricas em nutrientes, para repô-los em seu organismo e garantir que cabelos e unhas sejam fortalecidos e cresçam com saúde. No entanto, quais alimentos comer?

Indica-se aumentar o consumo de alimentos com vitaminas do complexo B, como a biotina e piridoxina, que ajudam seu corpo a produzir queratina e demais proteínas que compõem cabelos e unhas.

As vitaminas do complexo B estão presentes, por exemplo, em grãos integrais, ovo, peixes, carnes e laticínios, que devem ser consumidos diariamente, sempre com moderação.

Além disso, aumente o consumo de alimentos com vitamina C (laranja, limão e demais frutas cítricas) e E (castanhas), que são antioxidantes e evitam danos às células, inclusive às que atuam no desenvolvimento de cabelos e unhas.

Invista em tratamentos dermatológicos

O dermatologista é o médico indicado para tratar problemas envolvendo cabelos e unhas. Se ao adotar uma alimentação melhor não notar melhora em seu quadro, o recomendado é procurar esse profissional para identificar a causa do problema e realizar tratamentos dermatológicos específicos.

Em alguns casos, é possível tratar problemas capilares e nas unhas com medicamentos tópicos ou uso de laser. Independentemente de qual seja a opção, ela sempre deve ser indicada por um profissional especializado e nunca feita por conta própria.

Faça uma suplementação

O dia a dia é corrido e nem sempre dá para se alimentar adequadamente. Em situações assim, uma alternativa altamente eficaz é investir em uma suplementação feita com vitamina para cabelos e unhas.

Um excelente exemplo de suplemento para esse fim é o Pill Food, que é um complexo vitamínico destinado a repor nutrientes essenciais para a saúde dos cabelos, unhas e pele, fortalecendo-os expressivamente, além de melhorar sua qualidade e beleza.

O Pill Food tem em sua composição o colágeno, biotina (vitamina B7), cisteína (atua na formação da queratina, que está presente no cabelo e unhas), pantotenato de cálcio (vitamina B5), piridoxina (vitamina B6), riboflavina (vitamina B2) e vitamina E.

Juntas, essas vitaminas para cabelo e unhas eliminam problemas como cabelo caindo e unhas quebradiças. Mas, para obter esses resultados é importante fazer uso do Pill Food por três meses, no mínimo.

Historicamente a educação no Brasil sofre

- Posted in Uncategorized by

A educação no Brasil é marcada por números impressionantes. O país tem 197.500 escolas públicas e privadas que oferecem desde a pré-escola até aos últimos anos grau do ensino secundário; 52,6 milhões de estudantes e 2 milhões de professores no ensino básico; e 2.300 estabelecimentos de Ensino Superior.

O Brasil também possui o maior programa de refeições para escolas públicas do mundo, que fornece assistência a aproximadamente 47 milhões de estudantes em 2010. Pai também executa o maior programa de distribuição de livros livres, que oferece cerca de 115 milhões de publicações por ano.

Números tão impressionantes são o resultado de um esforço histórico para alcançar uma educação universal de qualidade, atualmente financiado por 5% do Produto Interno Bruto do Brasil. No entanto, uma revisão da história da educação no mundo mostra que este é um processo recente. Começou em 1930, quando o então presidente Getúlio Vargas criou o Ministério da Saúde e Educação.

enter image description here

Ate em seguida, a educação foi sub-sistematizada e restrita a um pequeno elite. A regulação da educação no Brasil, até então inchoate, a partir do estabelecimento de um ministério totalmente dedicado ao tema, em um tempo em que as grandes indústrias estavam sendo estabelecidas no país e o o mercado interno estava experimentando uma forte expansão.

Os primeiros decretos presidenciais previam as estruturas iniciais de ensino secundário e superior. A segunda constituição republicana de 1934 representou um dos mais notáveis avanços históricos em educação no Brasil, afirmando que " a educação é um direito de todos e será fornecido pela família e pelo Estado."Os anos seguintes testemunharam o criação de grandes universidades como a Universidade de São Paulo (USP).

Em 1953, o Ministério da educação tornou-se independente do Ministério de saúde. As décadas de 1950 e 1960 foram marcadas pela expansão e melhoria do ensino profissional, do ensino secundário e do ensino superior.

Em nessa altura, o ensino primário era gratuito e proporcionado pelo Estado, embora insuficiente para satisfazer a procura então existente. Novas metodologias de ensino ganharam terreno em todo o país. Para por exemplo, o método de alfabetização do professor Paulo Freire foi adotado como um público política em 1961. Durante o regime militar (1964-1985), os modelos educativos utilizados até então foram abandonados.

Durante esse período, A ênfase educação no Brasil foi em formação profissional. A Constituição de 1988 foi o marco mais importante para a educação no Brasil desde a década de 1930, na medida em que garante educação de qualidade para todos como um dever do estado e em igualdade de acesso e condições de permanência. Assim, estudantes de todas as origens, credos, os géneros e as etnias tinham acesso garantido à educação pública.

O lema" Educação para todos", que foi massivamente divulgado e teve uma forte repercussão mundial após a Conferência Mundial sobre Educação para todos realizada em Jotim (Tailândia) em 1990, também foi implementada com maior ênfase no Brasil, especialmente depois de 1994.

Melhoria nas notas do boletim escolar e rendimento dos brasileiros

- Posted in Uncategorized by

A educação está melhorando no Brasil. Podemos vê-lo na cobertura: os anos médios de educação quase duplicaram nos últimos 20 anos, tem a proporção de adultos que concluíram o ensino secundário.

Sim, o progresso parece pequeno perto do que precisa ser feito, mas que fica ao menos um pouco mais evidentes para os professores e pais que acompanham o rendimento escolar pelo boletim online estadual.

enter image description here

Apesar das metas da Base Nacional da Educação continuarem aquém das expectativas também pode-se ver uma melhoria na qualidade, embora mais modestamente: o ensino médio do Brasil os alunos têm melhorado consistentemente no desempenho da matemática e da linguagem na última década. Estes ganhos resultam da atenção prioritária à educação através de reformas e recursos sobre nos últimos 15 anos. O progresso exposto neste livro é impressionante e louvável, mas o Brasil ainda persegue seus concorrentes em várias das maneiras isso é o mais importante.

A aprendizagem dos estudantes, ao mesmo tempo que melhora, está ainda muito atrasada.

rico. Muitas escolas secundárias perdem a maioria das suas estudantes muito antes da formatura. Os professores são atraídos de entre os resultados mais baixos e têm poucos incentivos de desempenho, e mostra em como o tempo de aula é usado.

Este importante livro explora não só a base para o progresso do Brasil, mas também o que tem de fazer para colmatar o fosso de qualidade que resta e para uma rigorosa para os seus filhos. Apresenta recomendações pormenorizadas para reforço do desempenho dos professores, apoio precoce às crianças desenvolvimento e reforma do ensino secundário.

No Brasil sistema descentralizado de ensino básico, cada nível de governo tem um papel integral a desempenhar. O Banco Mundial reconhece a natureza vital dos investimentos em capital para o bem-estar a longo prazo dos cidadãos do Brasil e da sua economia.

Este relatório sobre educação faz parte de um amplo programa de trabalho analítico do Banco Mundial sobre os investimentos do Brasil em pessoas.